Estudo sobre competências motoras de crianças do distrito da Guarda

Ensino | Desporto

O Instituto Politécnico da Guarda – IPG é uma das instituições académicas que está a recolher e a analisar dados para a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) sobre as competências motoras das crianças portuguesas. Esta investigação faz parte do projecto “Bola Mágica” da FPF, o qual tem como objectivo aumentar os níveis de actividade física e de felicidade das crianças envolvidas quando “brincam”. Pedro Esteves, docente e investigador do IPG e coordenador do projecto adianta que “das 44 escolas do 1º Ciclo de todo o país cujas crianças estão a ser analisadas, o estudo de três – as escolas de Gouveia, Folgosinho e Melo, todas no concelho de Gouveia – é da responsabilidade do Politécnico da Guarda”.
Os investigadores do IPG, assim como os estudantes da licenciatura em Desporto e, também, os do Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) em Desportos de Montanha, estão a recolher dados associados ao equilíbrio, à velocidade, à agilidade, à força e ao índice de massa corporal dos alunos.
Para Joaquim Brigas, presidente do IPG “é muito positiva esta participação do Politécnico da Guarda em projectos nacionais de investigação cujos resultados académicos, depois de interpretados pelas entidades responsáveis, resultem em melhorias para a população – neste caso para as crianças de todo o país”. E acrescenta: “Esta recolha de dados sobre competências motoras infantis é, também, um bom exemplo do empenho do IPG em interagir com as comunidades da região da Guarda, promovendo o seu desenvolvimento em todas as dimensões”.

Notícias Relacionadas