“Após um rigoroso processo, conseguimos a certificação da Praia Fluvial já para a época balnear de 2022”

> Sociedade > “Após um rigoroso processo, conseguimos a certificação da Praia Fluvial já para a época balnear de 2022”
Jornal A Guarda

Entrevista: Nelson Miguel Camejo Andrade, Presidente da Junta de Freguesia de Rapoula do Côa

Nelson Miguel Camejo Andrade, Presidente da Junta de Freguesia de Rapoula do Côa, é natural de Rapoula do Côa, concelho do Sabugal. Estudou na Escola Secundária do Sabugal e Instituto Superior de Gestão Bancária.
Nos tempos livres gosta de praticar BTT/Ciclismo, participar no associativismo (Clube Terras do Côa) e viajar.

A GUARDA: Os dados dos Censos de 2021 indicam que a Rapoula do Côa foi uma das freguesias que mais cresceu em termos percentuais a nível nacional. Uma boa notícia para esta freguesia num concelho que continua a perder população?

Nelson Andrade: Sim é uma boa notícia num concelho e num distrito que continua a perder população. A freguesia de Rapoula do Côa, teve um crescimento populacional de 37,40 % face aos últimos censos de 2011. Este crescimento deveu-se muito ao facto de muitos emigrantes já na situação de reformados terem regressado à freguesia de onde tinham emigrado. Como se pode analisar nos resultados dos censos de 2021 o maior crescimento situa-se no grupo etário superior aos 65 anos, reflectindo assim esse regresso de emigrantes às suas origens. No que diz respeito ao grupo etário de idades mais jovens, na qual perspectivamos um futuro para a freguesia também teve um ligeiro crescimento. Em suma ficámos satisfeitos com o resultado dos censos 2021, uma vez que se contrariou a tendência nacional.

A GUARDA: Preside a uma equipa jovem e dinâmica que tem mostrado empenho na dinamização da freguesia. Quais as principais actividades que a Junta de Freguesia vai realizar este ano?

Nelson Andrade: Sim é um orgulho presidir a esta freguesia e ter comigo uma equipa jovem, dinâmica e unida. Temos vindo a desenvolver um bom trabalho em prol da freguesia, dinamizando e divulgando o melhor que a freguesia tem. Este trabalho tem sido realizado ao longo dos últimos anos, com início no mandando anterior onde eu era secretário e esta freguesia era presidida pelo nosso amigo Álvaro Pires, a quem deixo uma palavra de reconhecimento pelo trabalho também efectuado na freguesia.
No decorrer do presente ano e com o abrandamento da situação pandémica no país pretendemos desenvolver mais actividades / projectos. Um dos projectos a desenvolver é a criação de quatro percursos pedestres, com ligação a todos os pontos de interesse da freguesia, como as Termas do Cró, Praia Fluvial, Pontões antigos, Eiras e caminhos rurais com história. Este projecto torna-se importante também no desenvolvimento do turismo local, sendo mais uma atracção para quem nos visita.
Outra actividade que já desenvolvemos no passado mês de Março é o evento cultural, Quadragésima, com o Canto do Martírio e Encomendação das Almas, o qual pretendemos desenvolver nos próximos anos. Este evento cultural realizou-se nos passados dias 25, 26 e 27 de Março, com encontros de grupos de cantares e várias tradições da Quaresma como por exemplo o desamuar do Forno Comunitário. Pretendemos com este evento cultural, criar uma imagem de marca da freguesia com o Canto dos Martírios e Encomendação das Almas.
No mês de Junho a freguesia vai receber o Circuito Regional de Ténis Amador da Guarda.
Já para os meses de Verão para além da animação, concertos na Praia Fluvial, este ano vamos receber nos dias 1, 2, 3 e 4 de Setembro um festival de Verão, designado de HIM Festival, com um conceito completamente diferente de outros festivais de Verão.
Também em Setembro, vamos receber mais um ano o Regional de XCO em BTT e o encontro de escolas da Associação de Ciclismo da Beira Interior e Beira Alta.
Actividades, como caminhadas, passeio de motas antigas, Magusto e Ceia de Natal, vão voltar a ser organizados neste ano de 2022 na freguesia.

A GUARDA: Quem passar pela Rapoula do Côa o que é que pode encontrar ou visitar?

Nelson Andrade: Na freguesia de Rapoula do Côa existem vários pontos de interesse para visitar, sendo a Praia Fluvial e as Termas do Cró os nossos maiores pontos de interesse a visitar.
Na zona envolvente da Praia Fluvial, o Giestal, quem nos visita pode usufruir da belíssima paisagem natural do Rio Côa, parque de merendas, polidesportivo, parque infantil, circuito de manutenção, balneários entre outras infra-estruturas existentes na zona envolvente da Praia Fluvial. Já nas Termas do Cró para alem do próprio parque termal existe o Cró Hotel Rural (https://www.hoteldocro.com/), para quem procura umas verdadeiras férias em contacto com a natureza.
Também a nível turístico existe na freguesia a Quinta Pedagógica “Refúgio do Campo” com um alojamento local envolvido numa quinta pedagógica com várias atracções.
Também os visitantes podem usufruir dos Percursos Pedestres (PR´s) e dos percursos de BTT do Centro de BTT do Sabugal que passam na freguesia.
A Igreja Matriz, Capela de São Domingos, Fontes de Mergulho, Chafarizes, Cruzeiros antigos e o Forno Comunitário são pontos de interesse e pontos a visitar na freguesia.
No que diz respeito à economia local, podemos também encontrar na freguesia, o Restaurante Sabores do Côa, Pastelaria Águas do Cró, Delicias Arraianas (confecção de Pão caseiro), Minimercado, Carpintaria, Oficina Auto e vários Empreiteiros de Construção Civil. (www.rapoulado coa.pt)
 
A GUARDA: A praia fluvial tem sido um polo de atracão de pessoas, nomeadamente dos meses de Verão. O que é que este local tem de especial para cativar tanta gente?

Nelson Andrade: A beleza natural da Praia Fluvial por si só faz com que seja um polo de atracção de visitantes. Ao longo dos últimos anos tem sido grande o investimento na Praia Fluvial, criando condições para quem a visita, nomeadamente no melhoramento das condições de acessibilidade, estacionamento e infra-estruturas de apoio. Na Praia Fluvial quem nos visitar tem sempre actividades para adultos e crianças, nomeadamente o parque Infantil, Campo de jogos multiusos, percurso de Ginástica e Manutenção, o parque de Merendas e por norma existem sempre eventos de diversão e cultura associados a este local especial.
 
A GUARDA: Mas o rio tem outras potencialidades que ainda podem ser valorizadas?

Nelson Andrade: Sim, o Rio Côa para além das suas Praias Fluviais tem outras potencialidades nomeadamente a Pesca Desportiva. É nesta actividade desportiva no Rio Côa que se deve também focar as potencialidades deste rio.
É uma potencialidade que pretendemos desenvolver na freguesia, com uma boa campanha de divulgação da Truta do Côa, atraindo assim praticantes de pesca desportiva para visitarem a freguesia e o concelho.
Uma potencialidade e projecto que já foi desenvolvido pelos “Territórios do Vale do Côa” é a Grande Rota do Vale do Côa, que tem passagem na freguesia, sendo um ponto de referência para alojamento.
Foi neste sentido que em Julho de 2021, a Junta de Freguesia, reabilitou as antigas instalações da junta de freguesia criando um Albergue, com uma capacidade para 18 dormidas, criando assim boas condições de acolhimento para quem nos visita.
 A GUARDA: Quais os projectos que pretende levar a cabo enquanto Presidente da Junta de Freguesia de Rapoula do Côa?

Nelson Andrade: Um dos projectos que pretendíamos realizar na freguesia, e que desde já posso dizer que conseguimos, é a tão desejada certificação que torna a Praia Fluvial em Praia Fluvial oficial e que todos os Rapoulenses ambicionavam. Após várias tentativas de certificação e após um rigoroso processo, conseguimos essa certificação já para a época balnear de 2022 o que nos deixa bastante orgulhosos. Este é o início de um caminho com o qual vamos “sonhar” e ambicionar uma praia de Bandeira Azul.
Também este ano vamos concretizar um outro projecto que tínhamos em mente que é o festival de música “HIM FESTIVAL”, com um conceito diferente e com uma referência a nível nacional e a nível europeu, que decorre nos dias 1, 2, 3 e 4 de Setembro, na Praia Fluvial onde são esperadas 2.000 a 3.000 pessoas.
Projectos como a reabilitação do pontão do Moinho Morgado, a reabilitação do Forno Comunitário, reabilitação do Bar da Praia Fluvial e construção de um armazém para pertences da Junta da Freguesia também estão nos nossos objectivos e na nossa agenda de prioridades para a freguesia.
Todos estes projectos são importantes na freguesia, mas nunca esquecemos o nosso compromisso e disponibilidade para prestar um bom serviço de proximidade aos Rapoulenses.

A GUARDA: Podemos dizer que a Rapoula do Côa é uma freguesia com futuro?
Nelson Andrade: Sim é uma freguesia com futuro, tem uma grande dinâmica e união. Trabalhamos sempre em prol da freguesia e na sua promoção e divulgação, mas nunca esquecendo o mais importante, que são os Rapoulenses e os seus descendentes, a quem em meu nome pessoal e a nível do executivo da freguesia agradecemos a confiança e motivação que nos transmitem diariamente para desenvolvermos este trabalho na freguesia de Rapoula do Côa.

Últimas notícias

24 de Maio, 2024
A imprensa regional é parceira e peça chave do desenvolvimento local
24 de Maio, 2024
Jornadas Diocesanas da Pastoral Social dedicadas à sustentabilidade das instituições
23 de Maio, 2024
Figueira de Castelo Rodrigo – Encontro de Professores Aposentados do Distrito da Guarda
23 de Maio, 2024
Seia – Jornadas de Museologia nas Misericórdias
23 de Maio, 2024
Manteigas – Luís Tavares e Emília Barbeira vencem Prémio Dr. João Isabel

Notícias Relacionadas