Festival Seia Jazz & Blues no Centro de Interpretação da Serra da Estrela

Seia

O Seia Jazz & Blues 2023, que acontece nos dias 21, 22 e 23 de Julho, conta com os concertos de “Big Band” da EPSE, com João Mortágua, Vítor Bacalhau, Trudy Lynn, Desidério Lázaro Sillness in Time e Carmen Souza
A 18.ª edição do Festival volta a levar as sonoridades do jazz e blues ao parque verde do CISE – Centro de Interpretação da Serra da Estrela. Em ambiência com a natureza, o programa promete três serões de animação e boa música, a que se volta a associar a gastronomia, com os Food Trucks.
Integrado na tour nacional, o evento leva a Seia o conceito de street food, dando novamente a possibilidade ao público de experimentar comida do mundo, este ano com um espaço dedicado a crianças.
O cartaz musical começa esta sexta-feira (21 de Julho), às 22.00 horas, com a banda local, a “Big Band” da Escola Profissional da Serra da Estrela, que terá como convidado o saxofonista João Mortágua.
A música continua no sábado (22 de Julho) num registo blues. Às 17.00 horas, Vítor Bacalhau apresenta o seu recente álbum Cosmic Attraction e, às 22.00 horas sobe a palco a talentosa cantora e compositora americana Trudy Lynn.
No domingo (23 de Julho), o programa arranca às 17.00 horas, com o saxofonista português Desidério Lázaro, em duo com o pianista Daniel Bernardes, na apresentação do seu oitavo álbum STILLNESS IN TIME.
O festival fecha, às 22.00 horas, com a voz jazzística e única de Carmen Souza.
O Seia Jazz & Blues é uma iniciativa do Município de Seia e conta com a parceria da Escola Profissional da Serra da Estrela, do Conservatório de Música de Seia, do Festival DME – Dias da Música Eletroacústica e da DGArtes, através da Rede Teatros e Cineteatros Portugueses, na qual a Casa Municipal da Cultura está integrada.

Notícias Relacionadas