Manteigas e Sortelha distinguidas como “Melhores Aldeias Turísticas 2023”

Assembleia Geral da Organização Mundial do Turismo decorreu no Usbequistão

Manteigas e Sortelha (Sabugal) foram os destinos da região distinguidos ao mais alto nível pela Organização Mundial do Turismo, com o prémio de “Melhor Aldeia Turística 2023”.
O anúncio foi feito, no dia 19 de Outubro, no decorrer da Assembleia Geral da Organização Mundial do Turismo, em Samarcanda, Usbequistão. Assim, Manteigas e a Aldeia Histórica de Sortelha juntam-se às Aldeias Históricas de Castelo Rodrigo e de Castelo Novo, que receberam a distinção em 2021, em 2022, respectivamente.
Com esta distinção, Manteigas e Sortelha passam a integrar a Rede Global de Melhores Aldeias Turísticas da Organização Mundial do Turismo, criada em 2021 e que reúne 190 aldeias dos cinco continentes.
De acordo com a Organização Mundial do Turismo, “o galardão de ‘Melhor Aldeia Turística’ reconhece as aldeias que constituem um exemplo notável de um destino turístico com activos culturais e naturais acreditados, que preservam e promovem valores, produtos e estilos de vida rurais e comunitários e que têm um compromisso claro com a inovação e sustentabilidade em todas as suas vertentes – económica, social e ambiental”.
Nesta terceira edição da iniciativa, foram eleitos 54 destinos de todo o mundo. Em Portugal, este ano, também a Ericeira, em Mafra, e a Madalena, no Pico, Açores, foram contempladas. A aldeia de Vila de Frades, na Vidigueira, foi seleccionada para o Programa de Desenvolvimento, que se destina a aldeias que ainda não cumprem totalmente os critérios para serem Melhor Aldeia Turística mas que justificam o apoio da Organização Mundial do Turismo.
Sobre a distinção, Raul Almeida, presidente da Turismo Centro de Portugal referiu que “aplaudimos a distinção internacional de que foram hoje alvo Manteigas e a Aldeia Histórica de Sortelha. A Organização Mundial do Turismo premiou dois destinos diversificados do Centro de Portugal, que têm em comum estarem implantados no território das Beiras e Serra da Estrela e serem escolhas preferenciais dos visitantes”. E acrescentou: “Visitar Manteigas é conhecer o coração da Serra da Estrela, onde as paisagens envolventes são magníficas, a gastronomia é distintiva e o modo de vida da população mantém ainda um carácter comunitário. Percorrer Sortelha é voltar atrás no tempo, até à época medieval, numa paisagem rochosa que não deixa ninguém indiferente. São dois exemplos paradigmáticos do impacto positivo que a actividade turística deixa nos territórios de baixa densidade, o que foi agora justamente reconhecido pelas Nações Unidas. Estão de parabéns o Município de Manteigas e a Aldeias Históricas de Portugal – Associação de Desenvolvimento Turístico, pelas candidaturas apresentadas”.

Notícias Relacionadas