Lobos atacam rebanho em Senouras

Almeida

Os lobos são suspeitos de terem atacado, no passado domingo, de madrugada, um rebanho numa propriedade agrícola da aldeia de Senouras, no concelho de Almeida, e de terem matado 9 ovelhas e ferido 5, causando um prejuízo avaliado em 1.500 euros.
De acordo com Tiago Marques Paulo, filho do proprietário dos animais, o rebanho de 68 ovelhas estava no cercado, no campo, quando foi atacado. O ataque foi comunicado à GNR de Almeida e aos serviços do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).
O mesmo agricultor já registou, na sua exploração, mais 3 ataques de lobos que causaram a morte a 24 animais. “Na primeira vez, em Fevereiro de 2013, os lobos mataram 16 ovelhas. Na segunda, ocorrida em meados do ano passado provocaram a morte a 4 e, na terceira, registada no dia 25 de Setembro deste ano, mataram mais 4”, contou Tiago Marques Paulo. O filho do agricultor lesado mostrou-se revoltado com as baixas indemnizações que são atribuídas pelo ICNF e pela demora no seu pagamento, referindo que aquele organismo devia “pagar o justo valor dos animais” mortos. “Se uma ovelha vale 80 euros, é esse valor que devem dar”, defendeu, considerando que as indemnizações são “mal pagas” e chegam “com atrasos” em relação ao registo das ocorrências.

Notícias Relacionadas