Conclusão da obra de restauro do tecto da nave da igreja matriz de Aldeia Viçosa

Guarda

A conclusão da obra de Restauro do Tecto da Nave da Igreja Matriz de Aldeia Viçosa foi assinalada com uma cerimónia que contou com a presença do secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel, do presidente da Câmara da Guarda, Sérgio Costa, e do presidente da Junta de Freguesia daquela localidade, Luís Prata e do pároco Joaquim Bastos.
Esta intervenção, que decorreu ao abrigo de um contrato de financiamento, surgiu na sequência da candidatura da Fábrica da Igreja Paroquial de Aldeia Viçosa ao Subprograma 2, do Programa de Equipamentos Urbanos de Utilização Colectiva. O contrato de financiamento para a obra de “Restauro do Tecto da Nave da Igreja Matriz de Aldeia Viçosa” foi assinado no dia 25 de Abril, no âmbito do programa da Câmara Municipal da Guarda para as comemorações do 25 de Abril.
O contrato, cujo investimento elegível foi de 23.300 euros, surgiu na sequência da selecção, para financiamento, da candidatura da Fábrica da Igreja Paroquial de Aldeia Viçosa ao Subprograma 2, do Programa de Equipamentos Urbanos de Utilização Colectiva. Na sessão de assinatura a autarquia assumiu o pagamento dos restantes 50% dos custos da empreitada. Na altura, o documento, formalizado entre a Direcção Geral das Autarquias Locais, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro e a Fábrica da Igreja Paroquial de Aldeia Viçosa, foi homologado pelo secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel.
No momento da conclusão das obras e para memória futura, ficou na Igreja um documento com a seguinte declaração: “Aos vinte e seis dias do mês de Outubro do ano de dois mil e vinte e três, na presença do Exmº Senhor Secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel, do Exmº Senhor Presidente da Câmara Municipal da Guarda, Sérgio Costa, do Exmº Senhor Presidente da Junta de Freguesia, Luís Prata e da Fábrica da Igreja Paroquial de Aldeia Viçosa, Padre Joaquim Bastos, é com enorme orgulho que se assinala para memória futura, o restauro do tecto da nave da Igreja Matriz de Aldeia Viçosa, “Património único no panorama arquitectónico e artístico da Beira Interior”.

Notícias Relacionadas