Conservação e restauro do Dólmen de Cortiçô

> Região > Fornos de Algodres > Conservação e restauro do Dólmen de Cortiçô
Jornal A Guarda

Fornos de Algodres

A Câmara Municipal de Fornos de Algodres anunciou que “concluiu com sucesso o processo de Conservação e Restauro do Dólmen de Cortiçô”. “Esta intervenção resulta da resposta encontrada para o grave problema que ocorreu em Janeiro de 2011, quando o Dólmen foi sujeito a uma acção de vandalismo, tendo sido utilizado para derreter o revestimento de fios de cobre, deixando o mesmo substancialmente queimado e com resíduos de cabos espalhados pela mamoa do monumento”, refere a autarquia em comunicado. A Câmara Municipal de Fornos de Algodres, presidida por Manuel Fonseca, refere ainda que “o respeito pelo nosso valioso património é prioritário para toda a comunidade fornense”.
Os trabalhos de conservação e restauro do Dólmen de Cortiçô, situado na área da União das Freguesias de Cortiçô e Vila Chã, foram realizados entre os meses de Dezembro de 2016 e Maio de 2017, por uma empresa especializada, sob a direcção científica da arqueóloga Susana Carvalho e do técnico superior de conservação e restauro Marco Bento.

Últimas notícias

24 de Maio, 2024
A imprensa regional é parceira e peça chave do desenvolvimento local
24 de Maio, 2024
Jornadas Diocesanas da Pastoral Social dedicadas à sustentabilidade das instituições
23 de Maio, 2024
Figueira de Castelo Rodrigo – Encontro de Professores Aposentados do Distrito da Guarda
23 de Maio, 2024
Seia – Jornadas de Museologia nas Misericórdias
23 de Maio, 2024
Manteigas – Luís Tavares e Emília Barbeira vencem Prémio Dr. João Isabel

Notícias Relacionadas