Depois de 15 anos de ausência, o Toyota Camry está de regresso à Europa Ocidental,

ocupando o lugar do Avensis. O modelo chegou ao mercado pela primeira vez em 1982 e contou com sete gerações, tendo sido comercializado em mais de 100 países do mundo. Com vendas anuais de 700 mil unidades, ou um total de 19 milhões até ao momento, o Camry é o sedan do segmento D/E mais vendido em todo o mundo. A Toyota avança agora com a oitava geração, fruto do interesse crescente pelos veículos híbridos.
O Camry tem uma dimensão atlética refinada, digna de um sedan do segmento premium. Está construído com a Nova Arquitetura Global da Toyota (TNGA), que oferece qualidade de construção, fiabilidade e segurança, e adota a plataforma GA-K, que obrigou a reformular todo o design. Tem ainda um baixo centro de gravidade. O interior aposta em dois esquemas de cores, bege ou preto, com materiais de qualidade suaves ao toque, pele maleável, molduras granuladas a simular madeira ou um novo acabamento cromado acetinado com lustro.
O novo Interface Homem-Máquina (IHM) do Camry apresenta um trio de ecrãs de fácil leitura e coordenação de informações: um Head-up display de 10” colorido de alta visibilidade; um ecrã Multi-informação de 73† que exibe, através de um comutador no volante, informações como economia de combustível, apoio à condução e navegação, informações de áudio, informações e configurações do veículo; e um ecrã de 83† na consola central que incorpora rádio, conetividade Bluetooth para telemóvel com função de envio/recebimento de SMS, um recurso de streaming de música e uma entrada USB. Dispõe, de série, de câmara de visão traseira e incorpora ainda o sistema de navegação multimédia Touch 2 with Go da Toyota que suporta conetividade Wi-Fi.
No cuidado de construção foram tidos em conta bancos com bom apoio lombar, (com regulação elétrica e aquecimento dos bancos do condutor e passageiro dianteiro como opcionais), o volante revestido em pele com comandos do ecrã Multi-informação, sistema de áudio de série com seis altifalantes, (ou sistema de 9 altifalantes JBL no nível Limousine), e carregamento sem fios para telemóveis (Luxury e Limousine). A capacidade da bagageira é de 500 ou 524 litros consoante opção de rebatimento dos bancos traseiros.
Os três níveis de equipamento - Exclusive, Luxury e Limousine - são equipados se série com o sistema Toyota Safety Sense, um conjunto de tecnologias de segurança ativa para evitar ou atenuar as consequências de colisões.
A nova motorização de 2.5 litros Hybrid Dynamic Force a gasolina combina eficiência de combustível, baixas emissões e funcionamento silencioso com mais potência e capacidade de resposta. Conjugado com o motor elétrico alimentado por uma bateria de hidretos metálicos de níquel, fornece 218 cv e gera emissões de CO2 de 125 ou 126 g/km, registando consumos de combustível combinado de apenas 5,5 ou 5,6 l/100 km. O comutador do seletor do modo de condução permite a escolha entre os modos Eco, Normal e Sport. O sistema self-charging hybrid inclui ainda a nova tecnologia ‘Sequential Shiftmatic’.
O Toyota Camry está disponível em Portugal apenas com motorização híbrida e custa desde 43 990 € com o nível de equipamento Exclusive. O nível Luxury começa nos 46 990 €, o que se espera vir a ter um maior volume de vendas. O topo de gama Limousine inicia-se nos 49 690 €.