Stellantis escolheu Mangualde para produção de comerciais elétricos

A Stellantis escolheu Mangualde para produzir os comerciais de carga e de passageiros 100% elétricos do grupo a partir de 2025.

É adicionado, assim, um novo centro de produção de produtos elétricos na Península Ibérica e, claro, boas notícias para a unidade de Mangualde que vê, desta forma, o seu futuro assegurado. Tudo anunciado por Carlos Tavares, CEO da Stellantis, nas instalações portuguesas na companhia do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.
A Stellantis levou alguns jornalistas, Carlos Tavares, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o primeiro-ministro, António Coata e o Ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva, até Mangualde para anunciar que a unidade de produção vai ser atualizada.
“Temos o orgulho de anunciar que Mangualde entrará numa nova era com a produção em grande série de furgões elétricos a bateria em Portugal para fornecer as soluções indispensáveis aos nossos clientes empresariais”, afirmou Carlos Tavares, CEO da Stellantis. “Impulsionar a experiência de fabrico de Mangualde para construir veículos elétricos a bateria é fundamental para a descarbonização contínua das nossas frotas e mais um passo numa altura em que trabalhamos para alcançar um ‘mix’ de 40% de zero emissões até ao final da década”.
Este anúncio assegura o futuro da Fábrica e confirma a importância deste centro de produção para a economia, o Produto Interno Bruto e as Exportações portuguesas, bem como para o emprego e o desenvolvimento do tecido empresarial e industrial da região.

Notícias Relacionadas