Mercedes renova gama EQA e EQB

A Mercedes atualizou os modelos EQA e EQB da sua gama 100% elétrica.

Com o intuito de agitar as águas, a Mercedes diz que o EQA e EQB foram “inteiramente repensados”. Um exagero, claro, pois os dois SUV foram alvo de mudanças centradas nos aspetos tecnológicos a bordo. Ainda assim, há diferenças estéticas e em alguns detalhes no interior.
No exterior, as mudanças passam pela grelha dianteira que passa a ser mais parecida com os modelos de maior gabarito. Por outro lado, na traseira, não há grandes novidades exceto os farolins redesenhados. Do mesmo modo, no interior, há um volante redesenhado, revestimentos específicos e mais alguns pormenores.
Com o intuito de melhorar a autonomia dos dois modelos, a Mercedes introduziu novos pneus que melhoram o rolamento. Por outro lado, trabalhou alguns aspetos aerodinâmicos e introduziu forma de desligar ou limitar o sistema de climatização. Contas feitas, a Mercedes-Benz conseguiu homologar uma autonomia (WLP) de 550 km para o EQA 250+.
Ao mesmo tempo, a Mercedes-Benz introduziu o “Plug & Charge”. Este sistema faz com que assim que o cabo de carga é ligado, a carga inicia-se imediatamente sem necessidade de autenticações. Tudo porque carro e posto de carregamento comunicam entre si.
A maior mudança surge no sistema de info entretenimento. O sistema MBUX foi melhorado no sentido de possibilitar a personalização dos ecrãs segundo três modos – Discreto, Desportivo, Clássico. Do mesmo modo há um novo sistema de áudio da Burmester e uma câmara de visão traseira com maior resolução. Os renovados Mercedes EQA e EQB recebem esta remodelação agora, as encomendas abrem no outono e as primeiras entregas estão previstas para o início de 2024.

Notícias Relacionadas