‘Fórum Património, Cultura e Turismo’ no Museu de Arte Sacra

Covilhã

O Departamento do Património, Cultura e Turismo da diocese da Guarda vai promover, esta sexta-feira, dia 2 de Fevereiro, no Museu de Arte Sacra da Covilhã, o I Fórum Património, Cultura e Turismo.
Esta iniciativa tem em vista a sensibilização dos párocos da diocese para a salvaguarda e promoção do património religioso e a apresentação dos objectivos e linhas de actuação do Departamento do Património, Cultura e Turismo “no sentido de uma maior e eficaz colaboração”.
O Fórum tem início às 15.00 horas, com uma intervenção do Bispo da Diocese, D. Manuel Felício, seguindo-se a apresentação do Departamento do Património, Cultura e Turismo pela coordenadora, Dulce Helena Borges, com uma comunicação intitulada “Departamento de Património Cultura e Turismo da Diocese da Guarda: objectivos e desafios”.
“Comunicar (n)a Diocese”, por Helder Sequeira; “Entre o passado e o futuro: o lugar do Património na Igreja de hoje”, comunicação de Carlos Caetano; “Porquê um Regulamento para a gestão e protecção do património e bens culturais da Diocese da Guarda”, por Aires de Almeida, e “Itinerários turísticos e património religioso. Desafios de valorização territorial”, a apresentar por Gonçalo Fernandes, são outros dos temas deste Fórum.
A iniciativa termina com um debate e uma intervenção, final, do padre Henrique Santos.
Recorde-se que esta iniciativa foi realizada na Guarda, em Novembro de 2023 e, depois da Covilhã, terá repetição em Seia, no dia 16 de Fevereiro, sempre com o intuito de envolver o maior número de párocos e cidadãos interessados na salvaguarda, estudo e divulgação do património religioso e na implementação de roteiros turísticos.

Notícias Relacionadas