Cursos para ministérios laicais e formação para diaconado permanente

Escola Teológica de Leigos da Diocese da Guarda

A Escola Teológica de Leigos da Diocese da Guarda vai promover Cursos para Ministérios Laicais e Formação para o Diaconado Permanente.
Em carta enviada aos sacerdotes e diáconos, a Direcção da Escola Teológica de Leigos lembra que “o projecto de formação trienal que a nossa Escola Teológica de Leigos apresentou nas Conferencias Arciprestais, há cerca de cinco anos, foi considerado prematuro até que se fizesse a reestruturação da Diocese”. E acrescenta: “Circunstâncias conjunturais têm retardado o início de um novo curso de formação que entendemos ser da maior urgência, dadas as carências que se fazem sentir na vida das paróquias”.
A proposta passa agora na diversificação da formação para Ministérios Litúrgicos (Leitores, Acólitos, Orientadores Celebrações Dominicais, Funerais); Ministérios da Evangelização (Catequistas para as varias idades); Ministérios da Caridade e da Administração.
A formação deverá ser ministrada em dois centros de leccionação, um na Guarda e outro no Fundão ou Covilhã, dividida em dois semestres. Assim, no primeiro ano, em sábados alternados, de Novembro a Fevereiro, serão leccionadas as disciplinas de Cristologia e Introdução à Sagrada Escritura; e de Fevereiro a Junho, as disciplinas de Eclesiologia e Direito Canónico – Administração de Paróquias.
A Direcção Escola Teológica de Leigos está a contactar os padres e diáconos no sentido de “procurar e incentivar, em cada Paróquia ou Movimento diocesano candidatos à formação que é proposta nos diversos sectores”. E acrescenta: “Pensamos que e tempo de iniciarmos a formação de um novo grupo de candidatos ao Diaconado Permanente, o qual terá maior exigência do que a requerida para os Ministérios Laicais, mas cuja fase inicial poderá ser comum, dadas as dificuldades que temos em encontrar formadores”.
Para agilizar o processo, a Direcção da Escola Teológica de Leigos pede que sejam enviadas as inscrições para a frequência das cadeiras ou matérias que irão ser leccionadas na formação geral e que seja indicada a área da formação específica para prosseguir a formação.
A Direcção da Escola Teológica de Leigos propõe ainda que “seja implicada neste projecto formativo a Comissão da Fábrica da Igreja respectiva, para que o compromisso institucional das paróquias seja efectivo, também do ponto de vista financeiro, na formação dos paroquianos que mostrem disponibilidade para servir ministerialmente a paróquia e a diocese”.
As inscrições dos interessados devem ser enviadas para o Seminário Maior da Guarda, até ao dia 23 de Outubro.

Notícias Relacionadas