Simpósio Internacional de Arte Contemporânea decorre em vários espaços da Guarda

Guarda

A inauguração da exposição “Todas as Montanhas” de Cristina Ataíde marcou a abertura da 7ª edição do SIAC – Simpósio Internacional de Arte Contemporânea – Cidade da Guarda. Na sessão decorreu no Museu da Guarda, no 9 de Novembro, a autora realizou uma breve visita guiada pela mostra que ficará patente na Galeria João Mendes Rosa, até 31 de Janeiro de 2024.
O presidente da Câmara da Guarda, Sérgio Costa, disse que “este Simpósio não serve apenas para celebrar a arte em todas as suas formas, também promove a colaboração, o diálogo e o enriquecimento mútuo entre artistas e público”.
A edição deste ano conta com a participação de 13 artistas, dos quais cinco são estrangeiros e quatro têm raízes na Guarda e acontece em espaços como o Museu, a Torre de Menagem, a sede da Antiga Escola Comercial e Associação Comercial, Capela do Solar das Póvoas, entre outros. Na edição deste ano o SIAC aparece ligado às Comemorações do Centenário do Nascimento de Eduardo Lourenço (1923-2020), que decorrem até Maio de 2024”, bem como à vida e a obra da pintora guardense Evelina Coelho (1945-2013).
O SIAC decorre até ao próximo Domingo, 19 de Novembro, e abrange várias linguagens artísticas, nomeadamente pintura, desenho, gravura, escultura, instalação e performance.

Notícias Relacionadas