Guarda vai ser “Cidade Natal”

Entre 5 de Dezembro e 6 de Janeiro

A Câmara Municipal da Guarda vai promover, entre 5 de Dezembro e 6 de Janeiro, a iniciativa “Guarda, A Cidade Natal” que pretende atrair visitantes e dinamizar a cidade mais alta do país durante a quadra natalícia.
O presidente da Câmara, Álvaro Amaro, que apresentou a iniciativa no decorrer de uma conferência de imprensa realizada no dia 7 de Novembro, na Torre de Menagem, referiu que o evento de animação natalícia surge no seguimento da aposta realizada no ano anterior com a iniciativa “Guarda Ar de Natal”. “Vamos definir este ano uma marca que queremos que se fixe e que ganhe peso para a reafirmação da Guarda. Nós queremos fazer da Guarda a Cidade Natal”, referiu o autarca, indicando que as actividades natalícias irão decorrer sob o lema “A Guarda: o ponto mais alto de Natal”. “A Cidade Natal apresentar-se-á aos guardenses com um espectáculo bonito, convidativo, interessante e envolvente”, assegurou Álvaro Amaro, indicando que o programa, que incluirá muita animação, luz e cor, contempla a montagem de uma tenda com 600 metros quadrados, na Praça Velha, onde funcionará uma pista de gelo, estará a figura do Pai Natal e decorrerão outras iniciativas como a Casa do Pai Natal e actividades de animação.  Fora da tenda haverá outras iniciativas, como uma feira social, divulgação de produtos locais e o tradicional Madeiro, que este ano será instalado num local que ainda não está definido, uma vez que não será realizado na Praça Velha. A autarquia aceita sugestões para a colocação do Madeiro.
Álvaro Amaro anunciou ainda que vai pedir aos comerciantes para que enfeitem as montras e aos habitantes da cidade “que decorem as suas janelas” com motivos da quadra festiva.
A Câmara também lançou o desafio às associações do concelho para que no último dia da iniciativa, a 6 de Janeiro, Dia de Reis, participem num espectáculo no Teatro Municipal, e ali “cantem as Janeiras à Câmara Municipal da Guarda”.
Na época de Natal, a autarquia também não esquece a vertente social, e, tal como aconteceu no ano passado, realizará “um lanche social de convívio com as famílias mais vulneráveis” do concelho.
O presidente da Câmara Municipal anunciou ainda que a cidade vai voltar a ter iluminação natalícia nas ruas, que será ligada pelas 19.00 horas do dia 27 de Novembro, no âmbito das comemorações do Dia da Cidade. Este ano, a iluminação “ocupará mais espaços do que no ano passado”, disse Álvaro Amaro, indicando que a Torre de Menagem, também será “bem iluminada”.
Quando questionado pelos jornalistas sobre os custos com a iniciativa “Guarda, A Cidade Natal”, o edil respondeu que “para estas actividades não há custos, há despesas”. “Vão ver que vão ficar surpreendidos quando falarmos de custos”, prometeu, adiantando que foi apresentada uma candidatura a fundos comunitários que garante uma verba de 30 mil euros.

Notícias Relacionadas