Da Suíça à Guarda para apoiar Centro de Alcoólicos Recuperados do Distrito da Guarda

Ciclistas da Associação Cycle Portugais de Neuchâtel fazem prova solidária

Cinco ciclista da Associação Cycle Portugais de Neuchâtel, na Suíça, passaram esta terça-feira, 25 de Junho, pela Guarda, onde entregaram, ao Centro de Alcoólicos Recuperados do Distrito da Guarda, o resultado de um peditório realizado no país onde trabalham e praticam desporto há vários anos. O Filipe Rodrigues, natural da Guarda, o José Cardoso, o Mário Pinto, o Alberto Pereira e o António Loureiro saíram da Suíça, no dia 15 de Junho e, depois de terem passado pela Guarda, ainda têm muitas pedaladas pela frente, até chegarem a Lisboa, à Praça do Comércio, este sábado, 29 de Junho. Até Lisboa ainda vão passar por Pedras Salgadas, Boticas, Santa Maria da Feira e Fátima.

Na Guarda, deixaram um cheque de 1730 euros à Associação Centro de Alcoólicos Recuperados do Distrito da Guarda, dando assim continuidade ao gesto de solidariedade que todos os anos realizam com o objectivo de ajudarem uma Associação de cariz social.

“Sinto-me honrado com este gesto pois nem toda a gente tem a sensibilidade para o problema do alcoolismo, uma doença que afecta muitas pessoas”, disse Carlos Brito, presidente do Centro de Alcoólicos Recuperados do Distrito da Guarda, ao jornal A GUARDA. E acrescentou: “É uma grande ajuda para a nossa Associação e por isso estamos muito gratos”.

A Associação Cycle Portugais de Neuchâtel foi criada em 2010, com o objectivo de juntar os portugueses que trabalham na região de Neuchâtel. Os cinco ciclistas que estiveram na Guarda dizem que “há muitos portugueses a fazer bicicleta na Suíça” e a Associação conta, actualmente, com 40 sócios praticantes. “O ciclismo é o nosso desporto”, contaram ao jornal A GUARDA. E acrescentaram: “Nós também devíamos ser tratados, não temos o problema do álcool, mas o da bicicleta”.

Notícias Relacionadas