Centro de Estudos Ibéricos integra Rede Portugal-Espanha de Cooperação Transfronteiriça

Acordo foi celebrado no Museu dos Coches, em Lisboa

O Centro de Estudos Ibéricos (CEI), juntamente com diversas entidades portuguesas e espanholas promotoras da cooperação transfronteiriça, integra a Rede Portugal-Espanha de Cooperação Transfronteiriça (REDCOT), cujo acordo de constituição foi celebrado no dia 1 de Fevereiro, no Museu dos Coches, em Lisboa.
A Vice-Presidente da Câmara Municipal da Guarda, Amélia Fernandes, representou a Direcção do Centro de Estudos Ibéricos numa sessão presidida pelas Ministras da Coesão Territorial do Governo de Portugal, Ana Abrunhosa, e da Política Territorial do Reino de Espanha, Isabel Rodríguez García, onde também participaram a secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Isabel Ferreira, e o secretário-geral para o Desafio Demográfico espanhol, Francesc Boya.
Reconhecendo a necessidade de reforçar a cooperação em zonas de fronteira, o Acordo de Constituição da REDCOT tem como objectivo “dar uma resposta efectiva às populações locais nas áreas de cuidados de saúde de emergência, circulação de trabalhadores transfronteiriços, protecção civil, despovoamento, investimento transporte de mercadorias e apoios sociais e económicos”. Esta rede informal de cooperação territorial pretende incentivar o desenvolvimento de mecanismos de colaboração e intercâmbio de boas práticas capazes de criar sinergias e otimizar ações, impulsionar programas europeus e assegurar uma maior coordenação e articulação multinível em diversos domínios do território transfronteiriço.
O Acordo de Constituição da Rede Espanha – Portugal de Cooperação Transfronteiriça (REDCOT) surge na sequência da assinatura do memorando de entendimento entre o Ministério da Coesão Territorial da República Portuguesa e o Ministério de Política Territorial do Reino de Espanha, celebrado no dia 4 de Novembro de 2022, em Viana do Castelo.

Notícias Relacionadas